quarta-feira, 29 de julho de 2015

NO MERCADO - LAND ROVER DISCOVERY SPORT


TEXTO: GUSTAVO DO CARMO | FOTOS: DIVULGAÇÃO


Antes de começar a ser fabricado em Itatiaia, no ano que vem, o Land Rover Discovery Sport chega importado da Inglaterra (Halewood) para reconhecer o terreno. Tanto o do mercado quanto das nossas esburacadas ruas. Ele já está sendo vendido em três versões de acabamento (SE, HSE e HSE Luxury) e apenas com o motor 2.0 turbo a gasolina, de 240 cavalos.

sábado, 25 de julho de 2015

HISTÓRIA - BMW SÉRIE 3: 40 ANOS

TEXTO: GUSTAVO DO CARMO | FOTOS: DIVULGAÇÃO


Durante muito tempo o modelo mais acessível da BMW, o Série 3 começou a sua história no Brasil há quase 25 anos, quando as importações foram reabertas pelo ex-presidente Fernando Collor. Já a sua trajetória mundial tem quarenta anos. Em julho de 1975 ele foi apresentado no Estádio Olímpico de Munique como o sucessor do compacto Neuer Klasse (ou nova Classe), também conhecido como Série 02, que ficou famoso pelos modelos 1602, 1502 (o último remanescente) e 2002.

sábado, 18 de julho de 2015

EM BREVE NO BRASIL - TOYOTA SW4

TEXTO: GUSTAVO DO CARMO | FOTOS: DIVULGAÇÃO 


A Toyota Hilux ganhou nova geração e a sua versão "perua" SW4 não podia ficar sem renovação, que foi apresentada, simultaneamente, na Tailândia e na Austrália, onde ela é chamada de Fortuner e começa a ser vendida em outubro. No Brasil ela só deve chegar no final do ano que vem, depois da picape. 

quinta-feira, 16 de julho de 2015

PRÉ-ESTREIA INTERNACIONAL - ALFA ROMEO GIULIA

TEXTO: GUSTAVO DO CARMO | FOTOS: DIVULGAÇÃO


A italianíssima Alfa Romeo sempre teve uma vocação esportiva. Mais do que nunca agora, depois da reestruturação feita pelo grupo Fiat-Chrysler. As fotos divulgadas do novo Giulia são uma amostra desse posicionamento.

O primeiro sedã médio desde o 159 (2005-2011) só apareceu em imagens oficiais na versão superesportiva Quadrifoglio Verde (QV), que tem rodas de grande polegada com raios escurecidos, abertos em formato de gota, onde quem se destaca são os discos de freio em carbono-cerâmica. A lateral tem teto arredondado, com janelas de moldura preta, vinco na porta e uma entrada de ar perto da roda dianteira. Acima, o tradicional trevo de quatro folhas dentro de um triângulo branco, símbolo da Alfa Romeo nas corridas dos anos 50.

quinta-feira, 9 de julho de 2015

COMPARATIVO - MARCH x KA x UP! x HB20

TEXTO: GUSTAVO DO CARMO | FOTOS: DIVULGAÇÃO
DADOS DE TESTE: REVISTA CARRO


Quem comprou o renovado e nacionalizado Nissan March com motor 1.0 de quatro cilindros deve ter ficado muito "feliz" (para não dizer o contrário) ao saber que, menos de um ano depois, o propulsor foi trocado por um de três cilindros.

Fiquei com sentimento semelhante depois que eu comparei a versão inicial com o Ford Ka, Volkswagen Up! e Chevrolet Onix em outubro do ano passado. Agora eu precisava atualizar. Aliás, estou atendendo ao pedido de um leitor do Guscar para fazer este novo comparativo, só com motores tricilíndricos.

Os rivais e versões são quase os mesmos: Ford Ka SEL e Volkswagen Up!, agora ilustrado pela versão White (na outra matéria usei as fotos da Red, que tem o mesmo preço. E ainda tem a Black). Desta vez, o Onix deu lugar ao Hyundai HB20, considerando a série especial Spicy, que é mais completa. O March continua sendo analisado na versão SV, a mais equipada com motor 1.0.

Não foi só o quarto modelo que foi trocado. Mudei algumas opiniões, troquei os custos de manutenção (na impossibilidade de obter preços atualizados) pelo tradicional número de concessionárias e agora os dados são da revista Carro (eram da Quatro Rodas no comparativo anterior). E o vencedor mudou também. 

domingo, 5 de julho de 2015

LANÇAMENTO INTERNACIONAL - MINI CLUBMAN

TEXTO: GUSTAVO DO CARMO | FOTOS: DIVULGAÇÃO


Aos poucos, a linha da nova geração do Mini vai aumentando. Depois do hatch e de sua inédita versão de quatro portas, a releitura luxuosa do clássico compacto inglês, agora de propriedade da alemã BMW, ganhou a tradicional perua Clubman, que substitui a carroceria lançada em 2007.

quarta-feira, 1 de julho de 2015

LANÇAMENTO - VOLKSWAGEN GOLF VARIANT

TEXTO: GUSTAVO DO CARMO | FOTOS: DIVULGAÇÃO


Vemaguet, Caravan, Belina, Variant, Marajó, Parati, Panorama, Quantum, Elba, Ipanema, Escort SW, Palio Weekend, Corolla Fielder, Spacefox, Mégane Grand Tour, Jetta Variant... há quase sessenta anos as peruas têm um lugar especial no coração dos brasileiros.

No entanto, com a reabertura das importações, veio o modismo das minivans (que também não pegou) e dos SUVs, veículos mais altos, que deveriam ser usados em terrenos acidentados, mas ocuparam o lugar das internacionalmente chamadas station-wagons nas cidades, no mercado e também na preferência nacional.

Por isso, as peruas (como ficaram conhecidas no Braail) foram desaparecendo do catálogo das montadoras. A Fiat Palio Weekend resiste, mas ela não entrou na segunda geração do Palio e a sua plataforma é de 1997, quando foi lançada. Modelos como Logan, Focus, Fusion, Civic e Cruze possuem versões peruas no exterior que não vieram para cá. A Corolla Fielder e a Mégane Grand Tour, que fizeram sucesso por aqui, foram renovadas lá fora, mas não no Brasil.



Além da Spacefox, ainda à venda com carroceria de 2006 e que sepultou a Parati, a Volkswagen também tinha as versões com porta-malas alongado do Jetta e do Passat, ambas chamadas Variant. Este último aguarda a nova geração. Já a perua do Jetta deu lugar à perua do Golf de sétima geração.

E é com esta última que a Volks tenta reativar o segmento no Brasil. Após muita procura no Salão do Automóvel de São Paulo, em outubro do ano passado, onde foi exposta, ela decidiu trazer do México a Golf Variant, derivada da moderna plataforma modular MQB do hatch (por enquanto, também fabricado lá, mas em breve será nacional), para o mercado brasileiro. E pensar que eu apresentei este mesmo modelo na coluna Baba, Brasil!, lá em 2013. 

A Golf Variant está disponível em duas versões, ambas com o motor 1.4 TSI de 140 cavalos (com o sistema Start-Stop) e câmbio automatizado DSG de sete marchas. São as mesmas versões do hatch: Comfortline, que custa R$ 87.490, e Highline, por R$ 94.990. E a mesma grande quantidade de opcionais também. Só não tem a GTI.