Definition List

segunda-feira, 10 de outubro de 2011

COMPARATIVO - CHEVROLET CELTA vs. FIAT UNO vs. NISSAN MARCH vs. VOLKSWAGEN GOL

Texto: Gustavo do Carmo
Fotos: Divulgação
Dados de teste: Revista Quatro Rodas


Primeiro compacto de uma marca japonesa desde o Suzuki Swift, vendido em 1993, o Nissan March já está entre nós. Ou melhor, entre os principais populares com motor 1.0 que lideram o mercado, como Volkswagen Gol, Fiat Uno e Chevrolet Celta, de quem o novo carro vai tentar quebrar essa hegemonia.

A partir de R$ 27.790 o Nissan March também promete incomodar a vida do Ford Fiesta Rocam e do Renault Sandero. Porém, estes dois ficaram de fora do comparativo que você lerá mais abaixo. Não consegui encontrar testes do Fiesta 1.0 e quis evitar uma concorrência interna com o Sandero, já que a Nissan e a marca francesa são do mesmo grupo.

Assim, o duelo fica entre o March e o trio citado no primeiro parágrafo. Incluí o Celta para dar uma resposta ao comercial da Nissan, que ironiza os carros velhos que ganham uma frente nova e viram carros novos.

Antes de começar a análise, uma rápida descrição dos preços e versões do March. Começa com a básica 1.0, que não tem nem calotas, mas traz airbags para motorista e passageiro. É a que custa R$ 27.790. Para ter ar condicionado, vidros e travas elétricos, no mínimo, só comprando a versão 1.0 S, por R$ 33.390. O March também terá versões com motor 1.6, mas só a partir de novembro. Com esta cilindrada, a mais barata é a S, por R$ 35.890. A SV custará R$ 37.990. A top, a SR, de aparência mais esportiva, sairá por R$ 39.990.


Estilo e Acabamento

Visto de frente, o March é simpático e parece ser inteiramente arredondado, combinando com o formato ovalado dos faróis. As duas grades têm formato diferenciado. A do para-choque é mais reta. No capô, a entrada é mais arredondada e moldada pelo relevo onde fica o emblema que se estende até a metade da tampa do motor.

A impressão de linhas curvas permanece na lateral com as janelas em formato de arco, mas acaba na traseira truncada. As lanternas verticais, parecendo uma gota, se destacam da tampa do porta-malas e ainda formam um culote. Lembra a geração retrasada, de 1993, desconhecida no Brasil. A diretamente anterior (2002) era arrojada demais. Por isso, a nova versão ficou mais leve, sem perder a modernidade.


Ele supera o excesso de quadrados do Uno, que em breve vai enjoar. Com três anos de idade, o visual do Gol já está cansado. Mesmo assim, empata com o Fiat por ser mais agradável. Já o Celta dispensa apresentações. Sua carroceria data de 2000, com um face-lift em 2006 e outro ainda mais simples este ano. Pede uma reestilização total ou um sucessor urgente. É um dos modelos representados pelo Senhor Cabeça de Batata, da propaganda do March, que na Europa se chama Micra. 

Bastante plástico rústico até vai, mas não consigo entender porque todo carro popular tem que ter difusor de ar interno circular. É uma mania que começou com o próprio Celta, mesmo com o outro painel. Chegou ao Uno, ao Gol, ao Fiesta, ao Sandero e não podia faltar no March, que é fabricado no México, mas foi projetado para mercados emergentes como o nosso. O carro fica com aparência de espartano, simples demais. Difícil escolher o melhor acabamento.

O Gol é o que aparenta menos pobreza. Seus materiais são os que têm melhor encaixe e aparência de qualidade e requinte. Em segundo vêm o March e o Uno. O Celta é o campeão da franciscanidade. Pra piorar, o Chevrolet ainda tem o volante deslocado para a esquerda.

March e Gol, 1. Celta e Uno, 0.




Espaço interno e Porta-malas

O Uno pode ter o visual estranho, mas suas formas beneficiam o espaço interno. Mas quem surpreende é o Celta. Mesmo com o seu projeto antigo, o GM tem a maior folga para as pernas de quem vai atrás, segundo as medições da revista Quatro Rodas. Junto com o Fiat, também tem a maior largura do banco traseiro. O novato March é o mais alto, inclusive do lado de fora (1,53m). Apesar de mais comprido e com maior distância entre-eixos (3,84m e 2,47m), o Gol é o mais apertado e empata em largura interna com o Nissan. Todos, aliás, abrigam com conforto apenas quatro passageiros. 

O maior porta-malas é o do Gol, com 285 litros. Cinco litros abaixo vem o Uno. O March tem 265 litros e o Celta, 260.

Gol 2, Celta e March 1 e Uno 0. 




Motor, Desempenho e Consumo

Embora seja o único com quatro válvulas por cilindro, o motor 1.0 Flex do March consegue ser o menos potente deste comparativo. Tem 74 cavalos, tanto com álcool (me recuso a falar etanol), quanto com gasolina. Estranho, pois é o mesmo bloco usado nos Renault Clio e Sandero, que rendem 76 e 77 cv.

Em terceiro vem o Evo do Uno, com 73 e 75 cv. O EA-111 do Gol é o segundo melhor colocado, com 72 e 76 cv. O motor mais potente é o VHCE do veterano Celta, com 77/78 cavalos.

Com destaques na retomada e na velocidade máxima, o Gol tem o melhor desempenho. De acordo com a Quatro Rodas, recupera entre 80 e 120 km/h em 22,1 segundos e alcança 169 km/h. Em 14 segundos, o March acelera, de 0 a 100 km/h, meio segundo mais rápido que o Volks e sete décimos em relação ao Celta. O Uno foi o mais lento em todas as principais medições: 17,1 seg. de aceleração, 31,2 seg. de retomada e 153 km/h.

O March recupera a velocidade em 30,4 segundos e o Celta em 23,3 seg. O Chevrolet alcança os 161 km/h. A Nissan não divulgou a velocidade máxima do seu compacto.

Três carros empataram em primeiro lugar no consumo médio. Empate técnico, claro. O Gol fez 10,35 km/litro com álcool (como a Quatro Rodas sempre testa seus carros). Na cidade, o Volkswagen percorreu 8,7 km/l e na estrada, 12 km/l. O Uno, com média de 10,3 km/l, fez respectivamente 8,9 e 11,7 km/l. E com 10,2 km/l, o Celta fecha o trio dos mais econômicos (8,4 e 11,8 km/l). O March, apesar da boa média, ficou em último com 9,75 km/l (8,3 e 11,2 km/l).

Gol 4, Celta, 3. March e Uno, 1. 




Segurança e Conforto 

O March é o único popular equipado com airbag duplo de série desde a versão básica. A Nissan resgatou, assim, uma estratégia que a Renault fez na época do lançamento do Clio nacional, no final de 1999. Espero que não abandone de novo.

Mas a preocupação com a segurança passiva dos seus passageiros parou por aí. O March vem sem freios ABS até para a versão mais cara com motor 1.6. Nem como opcional. Dos rivais, apenas o Celta não disponibiliza airbags e ABS. No Gol e no Uno são opcionais. Cinto de segurança de três pontos para o passageiro que vai no meio do banco traseiro ninguém tem. Já o Uno é o único que oferece apoio de cabeça para o mesmo passageiro e ainda assim, opcional.

Se o March se destaca no papel ao oferecer airbags de série, na segurança ativa a surpresa é mais uma vez o Celta, que freia em menor espaço: 29,4 metros a 80 km/h. Em segundo lugar vem o Gol, com 31,7 m. O Uno parou em 34,6 e o March decepcionou ao precisar de 38,5 metros.

O compacto da Fiat consegue no conforto a sua primeira vitória individual ao ser o mais silencioso a 80 km/h. O Uno registrou 62,1 decibéis. Logo atrás dele, Gol e Celta empataram tecnicamente em 63,3 e 63,5. Mais uma vez o March ficou na lanterna, com 66 decibéis.

Gol 4, Celta 4, March e Uno 2. 


Preço, Equipamentos de série e Assistência

Exigindo que todos os carros tenham pintura metálica, ar condicionado, direção hidráulica, vidros e travas elétricos no mínimo, o mais barato é o Celta LT 4 portas, que sai por R$ 33.616. E pode ficar mais barato (R$ 33.034) porque o leque de cores sólidas, sem custo, é mais variado do que as metálicas. Além do branco, tem preto e vermelho. As metálicas só prata e cinza. Vem de série com as travas elétricas, entre os itens "obrigatórios", além de cintos de segurança dianteiros com regulagem de altura, travamento automático das portas em movimento, imobilizador, aviso sonoro de faróis e lanternas acesos com o motor desligado, ajuste manual interno dos retrovisores externos, limpador, lavador e desembaçador do vidro traseiro e preparação para som com alto-falantes. A última reestilização do Celta, felizmente, acabou com aquela política de deixar os equipamentos importantes nas mãos das concessionárias, como acessórios, o que dificultava a comparação dos preços. 

Segundo mais barato com a mesma configuração exigida, o Uno Vivace 1.0 4 portas custa R$ 33.780. Mas vem praticamente pelado na versão básica. Só traz o imobilizador na lista de série. Os demais itens presentes no Celta estão no pacote de opcionais que tem o ar, a direção, os vidros e as travas: o Celebration 5 (R$ 4.520).  

O terceiro é o March, que merecia ser o segundo. Se o interessado quiser um carro preto, pode pagar os R$ 33.390 pelo 1.0S. Mas o Celta com essa cor ainda ficaria mais barato. Além do preto, o Nissan só tem de graça a cor branca. Cores como prata, azul, laranja e vermelho, só metálicas e com elas o preço aumenta para R$ 34.110. A versão considerada é a mais completa entre os quatro. Traz não só os itens exigidos como também a direção assistida é elétrica e vem com abertura e fechamento das portas e porta-malas por controle remoto, retrovisores elétricos, volante com regulagem de altura, banco do motorista com regulagem manual, airbag duplo e computador de bordo. Só pra destacar os itens que os concorrentes não têm. Os três últimos itens já estão presentes na versão básica, que tem como opcionais o ar condicionado, a direção assistida e o volante regulável. Incluindo estes, o March sai por R$ 31.990.  

Além de caro (R$ 38.040), o Gol consegue ser mais pelado do que o Uno. Só tem banco do motorista com regulagem de altura entre os relevantes. Claro que alguém vai achar alguma coisa interessante em cada lista, mas aqui citei os principais equipamentos de série. 

A melhor assistência é do March. Além da garantia maior de fábrica (3 anos), o Nissan tem o menor custo de manutenção. De acordo com a Quatro Rodas, somando os preços das revisões até 30.000 quilômetros (R$ 717) com um pacote de peças que inclui par de pastilhas de freio dianteiro, kit de embreagem, amortecedores dianteiros, farol esquerdo, capa de para-choque dianteiro e retrovisor esquerdo (R$ 1.243), o gasto total é de 1.940 reais. Não considerei o preço do seguro porque foi calculado para São Paulo. 

O Gol fica com o segundo lugar por causa das 619 concessionárias da Volkswagen. As peças dele custam R$ 2.464 e as revisões R$ 702. A General Motors tem 596 revendas, a Fiat 562 e a Nissan, apenas 113. A manutenção do Celta custa R$ 2.765 (864 + 1.901) e a do Uno, R$ 2.095 (628 + 1.467).



Conclusão

Aprendi na vida que debochar dos outros é feio e merece um castigo. Foi o que fez a Nissan, mesmo que não tenha citado explicitamente os concorrentes. Um dos alvos de sua chacota na TV superou o seu primeiro carro compacto no Brasil, o primeiro de uma marca japonesa.  

O Celta venceu o comparativo, que foi muito equilibrado. O veterano carro do final do século XX é o mais barato, tem o motor mais potente, é um dos mais econômicos em combustível, freia mais rápido e ainda conseguiu a proeza de ser o mais espaçoso para quem vai atrás. Mas, por favor, Chevrolet! Não se acomode. Continue desenvolvendo o sucessor do Celta e o lance mais rápido possível. Carro moderno é bom e o povo gosta. 

O March venceu a mesma quantidade de itens que o Gol, mas só ficou em segundo porque empatou apenas com o Celta na segurança. O Gol dividiu o ponto no consumo com o mesmo Chevrolet e o Uno. Este é o critério de desempate. Quem ganha mais sozinho ou empata com menos rivais leva vantagem. 

O Nissan se destacou no estilo, equipamentos de série, principalmente de segurança, e manutenção. E isso é muito bom. Mas peca no motor, no ruído interno alto, na frenagem, no consumo e no porta-malas. O acabamento é muito simples, apesar de bem montado. 

Campeão de vendas há quase 25 anos, o Gol tem o melhor acabamento, o maior porta-malas, anda mais e gasta menos combustível. Seu visual de 2008 ainda agrada, mas já pede o face-lift que o resto da linha Volkswagen já tem. Deve ganhar no ano que vem. 

E o Uno perde o seu segundo comparativo. Se no final de janeiro ficou atrás do Gol e do chinês Chery Face, agora ele também é ultrapassado pelo Nissan March e, pior, pelo velho Celta. Só ganhou no conforto (nível de ruído) e dividiu o consumo com o Gol e o Celta. 

O Nissan March tem um preço bom, a lista de equipamentos de série agrada e o pós-venda promete pesar menos no bolso. Em 2013 será fabricado em Resende, aqui no estado do Rio de Janeiro. Mas por causa de alguns defeitos, vai ter que aproveitar bastante o seu rostinho bonito e simpático para quebrar a hegemonia das quatro grandes marcas presentes no mercado brasileiro. 



Resumo 

Preço - Celta
Motor - Celta
Desempenho - Gol
Consumo - Gol, Uno e Celta
Segurança - March e Celta
Conforto - Uno
Porta-malas - Gol
Estilo - March
Acabamento - Gol
Assistência - March
Espaço interno - Celta
Equipamentos de série - March



Classificação Final e Ficha Técnica



1º CHEVROLET CELTA LT 1.0 VHCE 4 portas - 5 vitórias

Motor: Quatro cilindros, transversal, flex, 999 cm³, 8 válvulas
Potência: 77 cv (gasolina) e 78 cv (álcool)
Aceleração de 0 a 100 km/h: 14,7 segundos (álcool - Revista Quatro Rodas)
Velocidade máxima: 161 km/h (álcool)
Consumo Médio: 10,2 km/l (álcool - Revista Quatro Rodas)
Comprimento/largura/altura/entre-eixos: 3,79 /1,62/1,43 /2,44 m
Porta-malas: 260 litros
Tanque: 54 litros
Preços: R$ 29.614 (LT básico), R$ 33.616 (LT completo)








2º NISSAN MARCH 1.0 S - 4 vitórias (3 sozinho e 1 empatado com o Celta)

Motor: Quatro cilindros, transversal, flex, 998 cm³, 16 válvulas
Potência: 74 cv (gasolina e álcool)
Aceleração de 0 a 100 km/h: 14 segundos (álcool - Revista Quatro Rodas)
Velocidade máxima: não divulgada
Consumo Médio: 9,75 km/l (álcool - Revista Quatro Rodas)
Comprimento/largura/altura/entre-eixos: 3,78 /1,67/1,53 /2,45 m
Porta-malas: 265 litros
Tanque: 41 litros
Preços: R$ 27.790 (básico), R$ 34.110 (S com pintura metálica) e R$ 34.810 (S com rodas de liga-leve)







3º VOLKSWAGEN GOL 1.0 - 4 vitórias (3 sozinho e 1 empatado com o Celta e o Uno)

Motor: Quatro cilindros, transversal, flex, 999 cm³, 8 válvulas
Potência: 72 cv (gasolina) e 76 cv (álcool)
Aceleração de 0 a 100 km/h: 14,5 segundos (álcool - Revista Quatro Rodas)
Velocidade máxima: 169 km/h (álcool)
Consumo Médio: 10,35 km/l (álcool - Revista Quatro Rodas)
Comprimento/largura/altura/entre-eixos: 3,84 /1,66/1,45 /2,47 m
Porta-malas: 285 litros
Tanque: 55 litros
Preços: R$ 30.380 (básico), R$ 38.040 (intermediário) e R$ 44.810 (completo)







4º FIAT UNO VIVACE 1.0 EVO 4 portas- 2 vitórias 

Motor: Quatro cilindros, transversal, flex, 999 cm³, 8 válvulas
Potência: 73 cv (gasolina) e 75 cv (álcool)
Aceleração de 0 a 100 km/h: 17,1 segundos (álcool - Revista Quatro Rodas)
Velocidade máxima: 153 km/h (álcool)
Consumo Médio: 10,3 km/l (álcool - Revista Quatro Rodas)
Comprimento/largura/altura/entre-eixos: 3,77 /1,64/1,48 /2,38 m
Porta-malas: 280 litros
Tanque: 48 litros
Preços: R$ 28.480 (básico), R$ 33.780 (intermediário) e R$ 37.754 (completo)

18 comentários:

Zona Sul FSA disse...

Bom, parabenizo pela iniciativa do comparativo, mas critico o fato de usar apenas dados da revista Quatro Rodas, cujos comparativos mostram-se em sua grande parte tendenciosos. Se vc consultar este mesmo comparativo na revista Car and Driver Brasil verá resultados bem diferentes destes... nela o Nissan apresenta os melhores números de frenagem, aceleração, ruido interno e consumo (etanol), justamente nos ítens em que levou "bomba" na QR. No mínimo estranho quando está se tratando do mesmo carro - Nissan March 1.0S.
Não confie tanto assim na "famigerada" Quatro Rodas amigo!

ddnunes disse...

Acho muito estranho estes resultados, pois sem exagero algum fiz um percurso de 10km e o march 1.0s fez 20,8 km/l em seu computador de bordo, abastecido com gasolina. Ou então o computador de bordo está mentindo.

Ed disse...

Estranho mesmo este comparativo, pois o nissan tem muito mais item de serie por 33000. Como direção eletrica.. retrovisor eletrico e air bags.. dentre muitos outros.. Tinha que ser o melhor custo beneficio seus cabeçoes..

Roberto disse...

Matéria paga, não é possível ! kkkkkkkk comparar um celta com um march, chega às vias da loucura. Posso falar de camarote, pois utilizei os 2. Não tem comparação: acabamento, espaço interno, manutenção, itens de segurança e principalmente ECONOMIA, o march dá um banho. Comprei e gostei. Ainda acho que o preço pode baixar e muito mas qd pomos um nissan ao lado de populares da VW, GM e FIAT temos a certeza que andamos no Brasil de carroças !!!!

ze carlos disse...

alem do car and driver, a autoesporte fez um comparativo real que os resultados do march esta totalmente diferente desses dados ai citados, antes de fazer um comparativo leia todos os comparativos e leia bastante antes de falar sobre algo. nao desmereço nenhuma marcaa apenas gosto da honestidade.

zepilinta disse...

Não sei por que logo no início da leitura eu já sabia o final da matéria com o Celta vencedor...

Vou sair de um Renault Clio desses com airbag, para pegar meu próximo carro, um Nissan March.

André Oliveira disse...

Se eu tivesse dinheiro pra dar pra gado comer eu iria de gol Power todo equipado. Mas como meu dinheiro não é capim, iria de March 1.0S ou 1.6S fácil. Três anos de garantia e manutenção mais barata! Os únicos contras que vejo são a preocupação com peça de reposição e percentual de desvalorização no mercado. Mas no próximo ano virá a nova fabrica da Nissan, saberemos a desvalorização e os modelos terão ABS ao menos como opcional, aí sim a coisa vai ficar boa e a concorrência terá de e mexer..

Victor disse...

Galera, esse comparativo está totalmente errado. Tenho um March desde 01/2012, venho de um Palio 2008 tirado zero, posso dizer que estou altamente feliz com o Nissan, dizer que o acabamento do march é inferior, é falar groselha. Em relação ao consumo, posso dizer com certeza, o March faz 17km/l na estrada com gasolina e 15km/l com etanol. Na cidade fica em 14 e 12 respectivamente. Tenho apenas 2 críticas ao Nissan, o banco, e o farol que achei que ilumina pouco. Mas a concessionária super atenciosa, o carro é extremamente mais silencioso do que o UNO, Celta e Gol (Já andei em todos), a direção é incomparável, a suspensão extremamente silenciosa. Quem disser que prefere um Celta é porque provavelmente vem daquelas famílias que só compram uma marca a vida toda e não conhecem outras...

Anônimo disse...

Eu ,já vejo o nissan march o meu proximo carro,não tem nenhum,que derrube estar ideia,pois em janeiro de 2013,estarei indo a nissan,comprar,pois as coisas estam melhorando,para a nissan.

Alfredo Massaranduba disse...

A voz do povo é a voz de Deus! Em matéria de carro não é bem assim, o Gol e o Uno são líderes ha vários e vários anos, não pela qualidade carroçal dos modelos, mas pela vasta rede de concessionárias, agora o público passa a ver outras opções, melhores e mais interessantes.

Anônimo disse...

Eu acho que a Nissan ta no caminho certo colocando airbag duplo como item de serie, segurança e mais importante que velocidade e economia. Agora falta entrar como item de serie o desembaçador e limpador trazeiro

Anônimo disse...

Eu comprei um March 1.0S por R$ 30.300,00 e estou adorando o carro! Muito econômico e prazeroso de dirigir. Pesquisei bastante e fique entre ele e o Fiesta Rocan 1.6 completo que estava por R$ 31.400,00. Como me disseram que o Rocam iria sair de linha, juntamente com o KA, optei pelo MArch e não me arrependi. Não concordo com a opinião dessa reportagem em hipótese nenhuma. E olha que já tive bastante carros das 4 grandes!

DDP disse...

Olá! Vou comprar meu primeiro carro e estou em dúvida qual modelo popular comprar. Sou mulher e ainda estou tirando a habilitação, portanto falem em um idioma entendível para leigos ehehehehhehehehe.
Gente, vejo muitos vídeos no youtube de comparativos, o Nissan sempre ganha, mas em contra partida o povo vive metendo pau no motor e na assistência técnica. E aí? quem tem o Nissan, o que me diz?

Anônimo disse...

Sou motorista a 40 anos! Trabalho em uma instituição onde a cada dia pego um carro diferente para viajar(Uno Mille - Fiesta - Toyota Corola - Pálio 1.0 e 1.8, Ford Curier - Celta 1.0 - Corsa ) evidêntemente que conforme a cilindrada do motor a resposta é diferenciada, mas conforme percebo em meu dia a dia e o que realmente necessito de um carro na pista, posso afirma com toda certeza, dos veículos 1.0 o que me da mais confiança é o Celta! Resposta muito rápida em acelerações, muito boa a retomada, segurança total em ultrapassagens, boa estabilidade para seu porte, e bons freios! Por isso eu escoho com certeza o Chevrolet Celta como o melhor dos carros que eu viajo.

André Martins disse...

Ae galera, estou em duvida entre um celta lt completo e um novo uno vivace completo??? O que vcs me dizem??

Gustavo do Carmo disse...

Apesar dos critérios técnicos do meu comparativo terem apontado a surpreendente vitória do Celta, eu compraria o Gol. Se ainda preferir as suas duas opções, escolha o Uno.

Anônimo disse...

O Novo Uno é o mais bonito dos 4,sem comparação. Falar que esse visual moderno vai cansar rápido parece piada, voce deve estar ganhando um por fora para falar dos concorrentes e deixar oNovo Uno tão mal avaliado. Dos pequenos hoje nenhum, nem mesmo so que nao foram incluidos, o Novo Uno é o mais moderno, estiloso.

Anônimo disse...

Dar a vitória a um carro ultrapassadíssimo como o Celta? Fala sério! Ainda dizer que o designe moderno (e bonito) do Uno vai cansar logo? E o designe do Celta? Um dos carros mais feios atualmente em produção, parece que está uma categoria abaixo do rivais.